Joseph Prado.. ou Thiago Climber… :P

23 05 2008

“Existem pessoas que não se abatem por nada…”

 

Que frase bonita não?? Hehehe….

 

            Mas enfim… Joseph Climber é um exemplo vivo de como devemos levar a nossa vida diante de certar intempéries que aparecem diante de nós; mas infelizmente nem todos tem a mesma força e o mesmo vigor do meu velho amigo Joseph.

            Quem de nós nunca pensou em desistir diante da primeira prova? Ou quem de nós não pensou em parar diante do primeiro obstáculo?

            E tem mais! Quem de vocês acha que essa dificuldade da transposição se dá apenas no primeiro obstáculo? Hehehe… quem nos dera…oO

 

            Pois bem, vou contar algo pra vocês. É a história de um amigo meu, gente boa rapá… mas conversando com ele, ele me confidenciou umas coisinhas, como por exemplo, que ele ainda sofre por uma situação de anos atrás, que ele tem medo de ficar louco, e que todos os dias pensa em procurar um psicólogo. Triste, não?

            Não, não. Na verdade é bem simples, pois esse meu amigo, já descobriu que tudo na vida dele, de bom ou de ruim, que aconteceu, que possa vir a acontecer, são na verdade reflexo de suas atitudes, e na verdade mesmo, são sua escolha, sua escola.

            Ou seja, esse meu amigo, já aprendeu que precisa ponderar certas atitudes de terceiros; que precisa se perdoar; ser mais tolerante consigo mesmo; dosar suas emoções; somente tomar decisões baseadas em fatos ou idéias fundamentadas; levantar a cada queda; ouvir críticas, filtrar críticas; e continuar, apesar de tudo.

           

            Amigo, quem disse que a vida é fácil?

 

            Mas ao mesmo tempo, esse meu amigo me disse também que aprendeu algo sobre a vida ultimamente, e que vem aprendendo a cada dia, sobre confiar nas pessoas, ou não; sobre compreender que todos nós somos passivos de erros, mas nem todos têm o dom de aprender com eles; e que ele deve aproveitar esse privilégio que tem, e aprender.

 

            Sabe, nesse exato momento, acabei de falar com uma velhinha que esteve aqui no trabalho, e sabe o que lembrei? Que um dia (tomara) eu vou chegar lá. E sabe outra coisa que observei? Que os mais velhos, tem muita vontade de conversar, de dar conselhos, de falar sobre suas experiências, enfim… os mais velhos tem muita vontade de passar o que viveram.

 

            Eu até consigo entender o porquê. O que acontece é que o mundo lhes ensinou muita coisa, e deixou intrínseco em suas mentes que eles precisam ensinar os mais jovens o quão doce, mas dura, é a vida.

 

            Pois é amigo, tomara que eu aprenda… e esse meu amigo também…

 

 

 

u.u

Anúncios

Ações

Information

One response

19 07 2008
projetodesorientado

atualiza esse treco thi!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: